2006/03/11

O português indispensável



Diz a imprensa (neste caso, o DN): A Direcção-Geral da Saúde fez uma lista das cem mil pessoas "fundamentais para o país" e encomendou medicamentos antivirais para as proteger em caso de uma pandemia de gripe. Pelos cargos que ocupam, estes portugueses serão capazes de "manter as estruturas básicas do país a funcionar". É caso para perguntar: quem são os indispensáveis?

É mesmo caso para fazer essa pergunta, que eu lanço aqui para os leitores e para a blogosfera lusófona: quem são hoje em dia os portugueses indispensáveis? Apesar de ele ter falhado um penalti, assim de repente só me lembro do Ricardo Sá Pinto.

3 comentários:

JSA disse...

Sá Pinto? Sá Pinto? Rapaz, isso só se a gripe fosse do Artur Jorge. Portugueses indispensáveis só consigo imaginar gajos mortos. É que é mesmoa única maneira de o saber. as se insistires muito, defendo o Simão que marcou o golo ao Liverpool.

Filipe Moura disse...

«Só se fosse uma gripe de Artur Jorge...» Está boa essa, João.

Emiéle disse...

Não sei se só o Sá Pinto, mas olha que grão a grão, a verdade é que o Sporting já está firme num segundo lugar, depois de tanta piadinha que já se ouvia por aí...( para além de ser o clube onde também cabem outros tipos de desporto, olha a Naíde!)