2007/04/17

Mais um massacre na terra das oportunidades

Que posso dizer sobre o massacre da Universidade da Virginia? Recomendar a todos (uma vez mais) que vejam o Bowling for Columbine e, de uma forma algo egoísta, agradecer aos alunos da State University of New York onde estudei serem gente tão tranquila e permitirem-me estar aqui a escrever-vos.
É nestas alturas que a omnipresença da polícia na sociedade americana (em particular, neste caso, nas universidades) parece justificada. É evidente que o policiamento é importante (em particular, deveria ser maior em Portugal em geral), mas - como mais este triste caso demonstra - não resolve tudo. O grande problema da sociedade americana, a causa da insegurança, está no livre porte de armas. A solução está no controle do porte de armas, que é preferível à manutenção do estado actual, que é uma sociedade policial e securitária. Se há quem veja nesse controle uma restrição das liberdades pessoais (e daí?), pergunto-me: e o que verão numa sociedade policial e armada até aos dentes?

7 comentários:

Fiambrelete disse...

Pergunto-me se o excesso de policiamento não leva ao aumento do sentimento de insegurança e consequentemente a que aumente o número de pessoas que tem armas para se defender. Isto por sua vez potencia crimes como os que vimos no Virginia Tech.
Quando as pessoas se tornam paranóicas com a segurança é este o resultado...infelizmente.

JV disse...

Pelos vistos estas matanças também acontecem em países em que não há livre porte de armas. Mas não me custa nada acreditar que nos States estas chacinas acontecem mais frequentemente justamente porque é mais fácil comprar uma arma.

Filipe não estás livre disto acontecer um dia no Tecnico.

Francisco Curate disse...

E já agora recomendo o belo e perturbante "Elephant" de Gus Van Sant. Abraço.

Filipe Moura disse...

Obrigado pelos comentários. (Bem acrescentado, Francisco!) Acho que aqui me fiz perceber.

PensarCusta disse...

sim a questão das armas é assustador, sobretudo quando já ouvi argumentos como: "pois.. se os alunos daquela universidade pudessem andar com uma arma, o massacre tinha sido menor.. alguem tinha matado o crimminoso". É o tipo de argumento dificil de ignorar. A meu ver o principal problema é a cultura da violencia na propria sociedade americana.

PensarCusta disse...

http://article.nationalreview.com/?q=MjdiNzFkMDNlOWE3MjY4YTVkOGIzMTcwMjVhMGFhMDA

Filipe Moura disse...

Obrigado!