2006/12/19

Divergências e insurgências sobre Pinochet

Valha a verdade, há que não confundir o timoneiro com o barco, embora textos como este passem despercebidos no meio do mar de propaganda de extrema-direita que é a imagem de marca do blogue. Surgem assim naturalmente associações como esta, esta ou esta. Como diria Salazar que, para o André Azevedo Alves é o português do século XX, em política o que parece é...

20 comentários:

André Azevedo Alves disse...

Em que ficamos?

O Insurgente é um obscuro bloco conspiratório fássista da extrema-direita ultra-neo-liberal ou há divergências?

Ou é conforme convém a cada momento para lançar umas bocas de extrema-esquerda?

André Azevedo Alves disse...

A propósito, aqui fica uma leitura recomendada:

http://www.oinsurgente.org/2006/12/15/isto-dava-mais-uma-lei-da-blogosfera/

Filipe Moura disse...

(Este "André" é o André Azevedo Alves; o André Abrantes amaral sabe escrever "fascista".)

AAA, quem faz o Insurgente é que sabe o que ele é. Queria recordar-lhe uma lei da blogosfera, essa sim muito comprovada: na dúvida sobre a interpretação de um texto, este é sempre interpretado da pior maneira possível. (Você já se encarregou de a demonstrar às vezes.) O risco, a meu ver, é que graças a si o bogue ganhe uma reputação que você, se calhar, merece, mas não outras pessoas que lá escrevem. Mas pessoalmente não estou preocupado com isso: isso é com os Insurgentes.

André Azevedo Alves disse...

"(Você já se encarregou de a demonstrar às vezes.)"

Obrigado pelo reconhecimento.

André Azevedo Alves disse...

"O risco, a meu ver, é que graças a si o bogue ganhe uma reputação que você, se calhar, merece, mas não outras pessoas que lá escrevem."

Agradeço também a preocupação com a salvaguarda da reputação do Insurgente.

Miguel disse...

Acho que o Filipe sofre de "imaginação galopante".

JV disse...

O Insurgente não é fascista. O Insurgente apenas advoga que numa sociedade os mais capazes devem ser previligiados, sendo que aqueles que nascem menos dotados que se amanhem. Defender a lei da vida não é ser fascista.

Miguel disse...

Errado. O Insurgente não defende previlégios para ninguém.

André Azevedo Alves disse...

"previlégios" ? :)

JV disse...

O André Azevedo Alves nunca deu um erro. Ou por outra, deu mas não tão básicos como esses.
Confirma-se o que eu já sabia. O AAA é super-inteligente.

Filipe Moura disse...

JV, eu chamar-lhe-ia antes a infalibilidade do Opus Dei.

André Azevedo Alves disse...

Caro JV,

O AAA dá - infelizmente - bastantes erros, especialmente desde que escreve em blogs onde a revisão pré-publicação é quase sempre pouca ou nenhuma.

O AAA também tem humildade suficiente para agradecer quando esses erros lhe são apontados.

Por último, o AAA esclarece que o comentário se dirigia principalmente ao Miguel Noronha.

André Azevedo Alves disse...

Caro FM,

Sobre a infalibilidade no contexto da Tradição Católica recomendo este artigo: http://www.newadvent.org/cathen/07790a.htm

Nunca é tarde para aprender e o Filipe nesta matéria bem precisa.

Miguel disse...

"Por último, o AAA esclarece que o comentário se dirigia principalmente ao Miguel Noronha."

Sou uma desgraça, eu sei. Já disse que a culpa foi de uma ex-revolucionária reciclada em professora de português que tive no Ciclo?

Ricardo Alves disse...

Filipe,
estás a ser injusto. N´O Insurgente, vi algumas vezes a palavra «fascista» ser usada com sentido pejorativo. Por exemplo, se não me falha a memória, a proibição de fumar em maternidades e hospitais foi considerada «fascista» e horrivelmente «totalitária».
Claro que o facto de o Pinochet mandar torturar ou matar pessoas é totalmente diferente e não tem nada de fascista. Foi a bem da propriedade privada.

Miguel disse...

Eu tenho a nítida impressão que os socialiastas aceitam sacrificar a liberdade de alguns em favor de outros. Mesmo que os primeiros não queiram. Acho que dizem que em prol de um "bem maior". Tenho a impressão que é isso.

MP-S disse...

Eu tenho a nítida impressão que os socialiastas aceitam sacrificar a liberdade de alguns em favor de outros. Mesmo que os primeiros não queiram.

eNTAO, OS "SOCIALISTAS" DA eSCANDINAVIA E DA eUROPA oCIDENTAL EM GEAL E' SO' TRETIRAR LIBERDADES AOS OUTROS, E DISSERAM-ME QUE SAO TAO BONS COMO O pINOCHET A LIMPAR O SEBO AQULES QUE NAO CONCORDAM COM ELES. :-)

MP-S disse...

E' pa", as minhas cpas ficaram todas locked!...

Filipe Moura disse...

Tem graça que neste preciso momento acabou de me suceder o mesmo no meu teclado. Neste momento não reconhece o shift, e para ter minúsculas tenho de activar o CAPS+LOCK. Foi um vírus que atacou à escala mundial, ou terá sido alguma espécie de praga da Obra?
Abraços.

Ricardo Alves disse...

Se as «limitações à liberdade» dos socialistas são a existência de impostos, que chatice, que coisa tão grave... acho que na comparação com o Pinochet, não haverá dúvidas do que é mais grave.