2006/08/07

Segunda feira, dia de Dia D

A cada segunda feira, é publicado mais um Dia D. Se não sabem o que é o Dia D, eu explico-vos: é um suplemento semanal do jornal onde estagio. A cada número desta revista há secções que não falham: nas colunas de opinião há sempre espaço para 2 (dois) colaboradores de O Insurgente.
(Não sabem o que é O Insurgente? é um blogue onde se tenta vender a quem quiser comprar ideias como "a quase hegemonia da esquerda e um peso completamente desproporcional da extrema esquerda nos media e na opinião publicada.")
Há ainda uma secção, “A Minha Web”, onde uma figura conhecida vem relatar-nos as páginas da rede que costuma frequentar. Esta semana o escolhido foi um jovem escritor e (esporádico) ex-companheiro de blogue meu, o José Luís Peixoto. Pelos vistos o exclusivo Insurgente no Dia D esgota-se na opinião...

3 comentários:

RAF disse...

Caro Filipe Moura,
Se como bom estagiário que certamente serás lesses com atenção a Dia D poderias constatar que há colaboração para lá do Insurgente (embora este blogue seja o que está mais representado). Tens Blasfémias, my mind to your galaxy, Bodegas, LA-C...

Filipe Moura disse...

Obrigado pelo reparo, Rodrigo. Faz realmente uma grande diferença...

Luis Serpa disse...

Caro Filipe Moura,

faz, de facto, uma grande diferença. Como, de resto, a sua definição do Insurgente - um pouco redutora, parece-me. Mas deixe-me felicitá-lo pelo seu blog. Citar Marx em epígrafe tem uma enorme vantagem - sabemos onde estamos...