2007/11/13

Árbitros no Prós e Contras

Não o tinha escrito aqui no blogue, mas já o tinha afirmado aqui: Pedro Henriques é o melhor árbitro português. Desorientou-se no lance da suposta mão do Katsouranis (que não era penalti), no último Benfica-Sporting, e parou o jogo. Mas ajuizou bem. Mais ainda me convenci desta minha opinião ao ouvi-lo ontem no Prós e Contras sobre a introdução de novas tecnologias no futebol (repete hoje na RTP N, e está disponível na rede).

7 comentários:

casanova disse...

Ele é a favor ou contra o uso das novas tecnologias?

Filipe Moura disse...

Os árbitros em geral eram contra as novas tecnologias.

casanova disse...

Eu, que percebo pouco de futebol, sou a favor porque acredito que as novas tecnologias podem trazer mais objectividade ao processo de decisão.

(É óbvio que se provarem que a minha premissa é falsa eu mudo a minha opinião.)

Filipe Moura disse...

De acordo.

casanova disse...

;)

hmbf disse...

Filipe, também vi o P&C e julgo que esse «em geral» carece de um esclarecimento. Eram em geral, de facto, contra o uso das novas tecnologias nos lances em que o critério humano da interpretação seja sempre altamente subjectivo (penalty, mão na bola, etc), mas a favor do uso das mesmas nos casos em que essa subjectividade humana possa ser reduzida (delimitação da linha de golo, bola entrou ou não). Portanto, havia pelo menos um caso em que, assim me pareceu, estavam os árbitros em geral de acordo com o uso das novas tecnologias.

Filipe Moura disse...

Obrigado pelo esclarecimento, Henrique (eu não vi o programa todo).